teste

O Café Impresso tornou-se o portal de uma entidade semi-abstrata chamada Antonio Caetano.

Digo semi-abstrata porque além do corpo – e da alma presumida – me tornei também uma “coisa virtual”. Tudo que sou eu digitalizou-se. Minha produção foi se desmaterializando e até o jornal em que eu publicava desapareceu.

No mundo do corpo e da alma presumidos, as coisas estão aí, à vista, o texto impresso sobre a mesa, o relógio desenhando o tempo passar.

No mundo virtual, as coisas só existem quando olho para elas através de alguma lente – o processador, o navegador – como nas Crônicas de Spiderwick. É mais fácil perder a continuidade e a regularidade: as notas se sucedem como impressões que vão ficando para trás, numa literatura cada vez mais solipsista e diletante.

Eis o que me tornei: um solipsista diletante.

Para dar ordem a essa bagunça a solução foi levar o diletantismo a sério! Criei vários blogs, cada um focado em um tema. Assim é mais fácil “materializar” meu trabalho e lhe dar continuidade. Por outro lado, também aproximo o leitor da “cozinha” do escritor.

Café Impresso é o Café de sempre – trivial e incompleto: músicas, links e comentários intempestivos sobre tudo.

Oficina de Textos são textos que vou produzindo para as aulas de redação.

Escola de Pensamento é a primeira sistematização do Crepusculismo, corrente filosófica derivada do  solipsismo diletante  também conhecida como Caetanismo por derivação do nome de seu criador e único adepto.

Crônicas de Amor e Perplexidade são todas as crônicas que publiquei semanalmente de 2000 a 2009.
Meu currículo de professor de redação.

Geografia Íntima: tudo que se pretenda literário.

Stultifera Navis:  tudo que se saiba obscuro demais, estranho, desagradável.

* * *

Alguns blogs serão públicos; outros, não. Eles se remetem entre si e nem todos estão relacionados aqui.

* * *

As fotos que se sucedem no alto do site são do tema Twenty Eleven, que misturei com o Atahualpa para criar o portal em WordPress. Elas se alternam aleatoriamente.

Estou convidando meus amigos fotógrafos a me enviar fotos para colocar ali.  Mas qualquer leitor pode me mandar fotos que julgue publicáveis. Se eu gostar e elas vierem no formato 1000 x 288 px, publico.