2 Comentários

  1. Antonio, quando vi o women in art no you tube fiquei encantada, tanto que botei no blog da revista em que trabalho. Mas fiquei em dúvida quanto ao título que você deu: a “superioridade” do figurativo. Não sei, não. Acho difícil essas categorias de superior/inferior. Na arte, como no amor, há muita coisa imcomparável (e imponderável). As figuras são lindas, mas a beleza não é um valor incontestável em todas as artes… beijos performáticos, D.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.