Sobre a vice de McCain

Quem deve estar se mordendo de raiva é Hillary Clinton. Surge uma mulher no pedaço que fala direto às suburbanas “hockey mom”, sem concessões ao feminismo nova-iorquino, e que é já virtual concorrente a “primeira mulher eleita presidente dos EUA”.

Pois se McCain ganhar, Hillary, claro, voltaria daqui a quatro anos, como mais cacife que o próprio Obama para disputar a presidência ou com o próprio McCain quatro anos mais velho (mas quatro anos na Casa Branca a esta altura equivalem a quase quarenta!) ou com “um outro qualquer

Só que agora esse outro já tem nome, é mulher, discursa bem e é… conservadora! – como a maioria dos cidadãos nos EUA e no mundo todo!