Jacques Resch

CAPA

CONTRACAPA

Outra descoberta em Século Prodigioso: Jacques Resch.

Asher, Dali, Frida Kallo, Bosh, as capas de Emerson, Lake & Palmer e a estética de Alien e Mad Max – eis algumaas presenças que saltam aos olhos quando se observa a obra de Jacques Resch (clique para vistar o site do artista)

O onirismo de Resch é de pesadelo, de sonho ruim de criança, entre o assustardor e o cômico. Contrasta com dos sensuais devaneios de Bruno di Maio.

O quadro escolhido para a capa distoa do conjunto da obra exposta no site do autor. É possível ver outra influência dele, muito sutil, se quisermos: o duaneiro Rosseau – mas um Rosseau azul, veja que graça. Me ocorreu também outra refer~encia cinematográfica: O Show de Truman.