exame de consciência 2

Este é, presumo, o mais atormentado autoretrato da história da pintura.
Caravaggio empresta a Golias decapitado seu próprio rosto.
E, suspeito, dá a David as feições que tinha quando jovem recém-chegado a Roma.
E não esconde seu desprezo ao ver-se assim “dissecado”.

* * *

“Será como um pequeno Juízo e cada um verá a si mesmo na luz da própria verdade de Deus. (…) E ficará horrorizado. “

* * *

Certamente não terá sido por acaso que estaquei diante desse quadro e não escrevi mais nada.
Há uma obscura ânsia de reencontro e recomeço nele ou essa é uma interpretação falsa e delirante?

* * *

Um documentário legendado sobre Caravaggio

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *